Aparelho Lingual – técnica de colagem indireta

O tratamento ortodôntico com aparelho lingual oferece a vantagem indiscutível da estética de um aparelho invisível, mas por outro lado, exige do ortodontista um cuidado especial com a técnica de colagem dos brackets.

Como a visualização e o acesso à face lingual dos dentes é muito difícil, o ideal é que se use uma técnica de colagem indireta para instalar o aparelho lingual. Diferente dos aparelhos convencionais que normalmente são colados de forma direta, ou seja, o ortodontista retira o bracket da caixa e cola diretamente no dente.

Na colagem indireta os brackets são posicionados inicialmente no modelo de gesso da arcada dentária para depois serem transferidos para os dentes do paciente.

Isso permite que se faça a colagem do aparelho lingual com muita precisão  o que é o primeiro passo para um tratamento bem sucedido.

Neste post vamos mostrar todos os passos para a colagem indireta de um aparelho lingual. As imagens mostram um jogo de brackets linguais auto-ligados In-Ovation L da marca GAC.

Montagem do aparelho lingual no modelo

Primeiramente é necessário ter uma moldagem de boa qualidade das arcadas do paciente. Particularmente prefiro trabalhar com moldagens em silicona de condensação (mais qualidade) e produzir modelos em gesso pedra tipo 4 (mais resistência).

Com os modelos em mãos fazemos o traçado das linhas-guia para o posicionamento dos brackets. Com uma lapiseira fina marca-se o eixo do dente e a linha que define a altura de cada peça como pode ser visto na imagem abaixo:

Aparelho Lingual - Colagem indireta 1

Aparelho Lingual – marcação das linhas-guia

As linhas vão orientar a inclinação, altura e deslocamento lateral de cada bracket no modelo de gesso.

…Continue lendo…

Aparelho Ortodôntico de Safira

Safira é o nome usado para identificar a porcelana monocristalina que é mais densa, resistente e translúcida que a porcelana policristalina usada na fabricação dos brackets chamados de porcelana.

Isso ocorre devido à uma diferença no processo de fabricação dos dois materiais. A safira é submetida à temperatura e pressão bem superiores tornando-a um material de maior densidade.

Aparelho Ortodôntico de Safira

Aparelho Ortodôntico de Safira

Esta característica traz uma série de vantagens para este aparelho como as listadas abaixo:

  • Os brackets são mais resistentes à quebra e ao descolamento que os de porcelana e os de policarbonato;
  • Têm um coeficiente de atrito com o arco ortodôntico mais baixo, similar ao dos brackets metálicos, ou seja, requer menos força para a movimentação que o aparelho de porcelana;
  • São muito mais translúcidos que os brackets de procelana ou policarbonato;
  • Normalmente são um pouco menores e mais finos por serem fabricados com um material mais resistente.
Aparelho Safira em detalhe

Aparelho Safira em detalhe

Eu tenho trabalhado cada vez mais com este aparelho e os resultados têm sido excelentes, com tratamentos rápidos, sem peças descoladas e com clientes satisfeitos com a estética e do aparelho.

A única desvantagem do aparelho de safira é a remoção dos brackets ao final do tratamento. Este processo não deve ser feito da mesma forma que se remove outros aparelhos pois há risco de fratura de esmalte.

Mas este é um problema simples de se resolver. Basta que o ortodontista use a técnica correta para remoção com o uso de brocas para enfraquecer o bracket antes de removê-lo com o alicate.

Aparelho Safira close

Aparelho Safira close

Selecionei para este post umas fotos bem bacanas do aparelho de Safira que eu mesmo tirei de alguns dos meus clientes.

Aparelho Safira visto por oclusal

Aparelho de Safira visto por oclusal

É isso aí pessoal, espero que vocês tenham gostado das imagens e que sejam úteis para quem está pensando em fazer o tratamento ortodôntico com o aparelho de Safira.

Recomendo uma visita à página sobre aparelhos estéticos no ortodontista.net para quem quiser entender um pouco mais sobre como os aparelhos ortodônticos estéticos (incluindo os de Safira) funcionam.

Aparelho Safira sorriso

Aparelho Safira sorriso

Um abraço a todos,

Dr. Andre Moreira

Aparelho Móvel

Aparelho Móvel

Aparelhos ortodônticos podem ser fixos ou removíveis. Isso todo mundo sabe.

Aparelho Móvel

Mas ainda existe uma certa confusão em relação aos aparelhos móveis que eu gostaria de ajudar a desfazer neste artigo com muitas fotos dos diversos tipos de aparelho.

Nem todo aparelho móvel é igual.

Ligaduras ortodônticas estéticas que não amarelam

Uma boa notícia para quem usa aparelho ortodôntico estético de porcelana ou de safira são as ligaduras ortodônticas que não amarelam.

Já temos no mercado ligaduras ortodônticas estéticas (as borrachinhas transparentes) com ótima estabilidade de cor, ou seja, que não ficam amareladas com o tempo. Pelo menos, não em poucos dias.

ligaduras ortodônticas estéticas

ligaduras ortodônticas estéticas

Esta ligadura ortodôntica da marca Ortho Technology recebe o nome de “Pearl Blue (Pérola Azul) por que é ligeiramente azulada como vocês podem ver nas imagens.

É verdade que no momento em que são colocadas, estas ligaduras ortodônticas continuam com uma tonalidade azulada. Isso me deixou um pouco incomodado inicialmente pois achei que ficaria assim até a consulta de retorno.

…Continue lendo…

Aparelho Ortodôntico Lingual

Para quem não conhece, ortodontia lingual é a técnica ortodôntica em que o aparelho fixo é colado pela face interna dos dentes, a face lingual, por isso o nome aparelho lingual.

Apesar de ser relativamente antiga, só nos últimos anos a técnica vem se consolidando como uma alternativa eficaz para a correção dentária associada ao conforto estético do cliente.

Atualmente o aparelho lingual é uma das melhores soluções para quem precisa corrigir os dentes mas não quer que o aparelho fique aparecendo na frente do sorriso, sendo indicado para adultos e jovens que fazem questão deste detalhe estético.

Além da vantagem de ser praticamente invisível, o aparelho lingual facilita muito que o cliente acompanhe a evolução do seu tratamento ortodôntico. Isso ocorre por que não há nenhuma interferência visual na frente dos dentes atrapalhando a observação.

Com isso o cliente e o ortodontista podem se concentrar nos mínimos detalhes na busca de um sorriso perfeito. Não há surpresas no dia de retirar o aparelho.

É por isso que o aparelho lingual é indicado para as pessoas mais exigentes e detalhistas.

Por outro lado, é muito difícil para o profissional trabalhar com este aparelho.

Além de ser difícil visualizar as faces linguais dos dentes, o espaço para se trabalhar é também muito apertado exigindo do ortodontista um treinamento específico e muita experiência para levar o tratamento até o final com resultados que satisfaçam os clientes mais exigentes.

Mas no final todo o trabalho é recompensado pela satisfação de ver o cliente sorrindo.

Quem acompanha o blog sabe que eu adoro a técnica lingual e que trabalho com o aparelho lingual desde 2004.

E é por isso que estou postando aqui algumas fotos do aparelho lingual com Brackets STb que eu achei que ficaram muito boas.

Lá no site temos uma página completíssima sobre ortodontia lingual que eu recomendo para quem estiver interessado em saber mais sobre esta forma discretíssima de fazer a correção dentária.

Espero que vocês gostem.

Ortodontia Lingual - O Aparelho Lingual

Ortodontia Lingual – O Aparelho Lingual

Expansão Rápida de Maxila – Infográfico

Expansão rápida de maxila ou disjunção palatina é um recurso muito utilizado em ortodontia para aumentar a largura da maxila que é o osso que serve como base para a arcada superior.

Para realizar a expansão rápida de maxila o ortodontista usa o disjuntor palatino, um aparelho que é fixado aos dentes e fica junto ao palato.

O aparelho é dividido no centro e estas duas metades se separam na medida em que o parafuso central é ativado.

Como resultado há a aplicação de força de forma rápida na estrutura da maxila que leva à ruptura da sutura palatina (a linha de união entre as duas metades do osso maxilar que podemos até sentir com a língua).

Com a ruptura da sutura as duas metades se separam e a arcada se expande. O sinal de que a expansão rápida de maxila funcionou é o aparecimento da separação entre os incisivos centrais superiores, o diastema central.

Depois de consolidar a disjunção o aparelho fixo pode ser colado.

Neste infográfico vamos mostrar através de textos e imagens como funciona o disjuntor palatino desde a montagem até o término da expansão rápida de maxila. Nestas imagens usamos o disjuntor Hirax, mas os princípios são os mesmos adotados em outros aparelhos como o Haas e o Mc Namara.

Você vai entender todos os passos do processo, desde como são confeccionadas as bandas ortodônticas até a cimentação do disjuntor.

Também vai ver como se forma o diastema central, aquele espaço que surge entre os incisivos superiores quando a expansão rápida de maxila funciona mesmo.

Veja neste outro post como resolver o problema estético causado pela abertura do diastema durante a disjunção.

Disjunção palatina - expansão rápida de maxila - infográfico

Disjunção palatina – expansão rápida de maxila – infográfico

Você encontra mais artigos relacionados à expansão rápida de maxila aqui no Blog do ortodontista.net, assim como depoimentos de quam já passou por este procedimento nos inúmeros comentários de cada post.

Por isso, vale a pena dar uma olhada com calma em todos os posts sobre este assunto.

Abraços,

 

Dr. Andre Moreira

Ortodontia Lingual com aparelho auto-ligado

Ortodontia Lingual com aparelho auto-ligado

Olá amigos do Ortodontista.net,

Quero mostrar para vocês o aparelho lingual auto-ligado.

Bem, para quem ainda não conhece, a ortodontia lingual é a técnica de correção ortodôntica que usa os brackets colados por trás dos dentes (na face lingual) mantendo o aparelho totalmente imperceptível.

Os brackets auto-ligados são uma tendência na ortodontia e têm a característica de não precisar das ligaduras elásticas (as borrachinhas) para prender o arco aos brackets. Nos aparelhos auto-ligados, os brackets têm dispositivos como tampas ou travas que permitem a fixação do arco ortodôntico.

Estas duas características (ser colado pela face lingual e ser auto-ligado) foram unidas em um bracket desenvolvido pela GAC, uma fabricante multinacional de material ortodôntico e o resultado é o In-ovation L. Na imagem abaixo podemos ver como além de ser inovador também é um bracket muito pequeno:

Aparelho lingual In-Ovation L

Aparelho lingual In-Ovation L

Venho usando estes brackets desde Janeiro de 2012 e estou muito satisfeito com os resultados e com a facilidade com que os pacientes se adaptam ao aparelho.

Eu trabalho com ortodontia lingual desde 2004 com os brackets da ORMCO (O da sétima geração e o STb), que são ótimos aparelhos. Mas estou gostando muito desta nova opção e tenho usado em todos os clientes que me procuram para fazer o tratamento com ortodontia lingual.

Além de ser confortável, é bem mais fácil escovar os dentes por que são as ligaduras elásticas, ausentes neste aparelho, que retêm mais placa bacteriana. E não podemos esquecer que a escovação correta é fundamental em qualquer tratamento ortodôntico, mas é ainda mais importante na ortodontia lingual, já que o aparelho fica escondido dificultando a visualização na hora da higiene.

Nesta imagem do In-Ovation L em detalhe (retirada do site da empresa) podemos observar a tampa (ou clip) que prende o arco ao bracket:

bracket in-ovation L

bracket in-ovation L

É um mecanismo altamente delicado, mas que funciona extremamente bem proporcionando um tratamento com menos atrito entre o arco e os brackets (esta é uma das características de qualquer aparelho auto-ligado) e, por consequência, menor necessidade de força para movimentar os dentes.

Além disso a consulta de manutenção é bem mais simples sem a necessidade de trocar as ligaduras elásticas, o que dá mais tempo para o ortodontista observar outros detalhes importantes do tratamento ortodôntico.

Bem, é isso aí pessoal. A ortodontia lingual não para de evoluir tecnologicamente. Os investimentos das empresas são altíssimos no desenvolvimento de aparelhos cada vez mais eficientes. Vocês ficam sabendo de tudo aqui no Blog do ortodontista.net.

Abraços,

Dr. Andre Moreira

Disjuntores Palatinos

A disjunção palatina é utilizada na ortodontia para aumentar a largura da maxila (arcada superior), o que pode ser muito útil na correção de mordidas cruzadas e na obtenção de espaço.

Como este recurso é muito utilizado pelos ortodontistas, eu sempre recebo perguntas relacionadas a estes aparelhos.

Os disjuntores são aparelhos que se fixam aos primeiros molares e aos primeiros pré-molares através de bandas e possuem um parafuso expansor que ao ser ativado produz uma força de expansão da arcada.

Na imagem vocês podem ver um disjuntor do tipo Hirax. Existem outros aparelhos como o Haas e o Mc Namara que são parecidos e funcionam praticamente da mesma maneira.

Disjuntor palatino Hirax

Disjuntor palatino Hirax

Na Disjunção a arcada superior (maxila) sofre uma ruptura da sutura palatina mediana. É como se o palato (o céu da boca) fosse cortado ao meio e as duas metades separadas.

Como resultado temos o aumento da largura da arcada e o aparecimento de um diastema central (os incisivos centrais se separam).

Disjuntor Palatino Haas

Disjuntor Palatino Haas

Apesar de ser possível fazer disjunção palatina em adultos, quanto mais precoce for o tratamento, maiores as chances de sucesso.

Quando a disjunção não acontece, a força do aparelho pode trazer alguns problemas para os dentes como retrações gengivais.

Para reduzir o risco de problemas como este, o ortodontista precisa saber a idade esquelética do paciente. O que é feito através de uma radiografia do punho.

Disjuntor tipo Mc Namara

Disjuntor tipo Mc Namara

O tratamento costuma ser feito com ativações diárias do parafuso por um período de uma a duas semanas. Depois o aparelho deve ser mantido na boca sem ser ativado por três a quatro meses. Mas isso pode variar dependendo do caso.

É importante que o paciente limpe corretamente o disjuntor. Principalmente quando o aparelho tem uma parte de resina em contato com a mucosa do palato.

Pode ser usada uma seringa plástica sem agulha para injetar água entre o aparelho e a mucosa e assim remover os resíduos de alimentos.

Além disso, uma boa escovação, fio dental e bochechos com atissépticos bucais.

Para um entendimento mais completo de como é feita esta disjunção da arcada superior, eu recomendo o infográfico sobre expansão rápida de maxila aqui no Blog.

Espero que esta informação seja útil para vocês.

Até o próximo post!

Dr. Andre Moreira

Qual a diferença estética entre brackets de Porcelana e Safira?

Mais uma pergunta que eu sempre recebo:

“Qual a diferença entre a porcelana e a safira, do ponto de vista estético?”

Bem, em vez de ficar explicando resolvi fotografar duas clientes minhas, cada uma com um tipo de bracket e mostar aqui para que vocês mesmos possam avaliar.

Os dois aparelhos foram colados recentemente e as fotos foram tiradas logo depois da troca das ligaduras elásticas. Sem maquiagem ou photoshop, por isso acho que correspondem à realidade.

A imagem de cima é do aparelho de porcelana e a de baixo do aparelho de Safira.

Observem que nos dois casos estou usando arcos estéticos (que foram colocados no momento da foto), ainda estou testando esta marca para avaliar se o revestimento branco vai descascar com o tempo. Daqui a algumas semanas vamos ver se eles mantiveram o mesmo aspecto (ao final de três semanas 90% dos arcos estavam com a cobertura desgastada comprometendo muito a estética do aparelho. Por enquanto vou continuar usando os arcos metálicos e aguardando a evolução dos arcos estéticos).

Aparelhos estéticos de porcelana e safira

Além da diferença estética entre estes brackets, é bom lembrar que a safira é um tipo de porcelana mais translúcida, resistente e com um coeficiente de atrito menor (com o arco ortodôntico).

Para quem se interessar em entender mais as diferenças entre estes dois materiais estéticos eu recomendo a leitura do post sobre brackets de safira.

Ou seja, os brackets de porcelana funcionam muito bem apresentando ótima resistência e estética. Mas os brackets de safira são ainda melhores em todos os aspectos.

E para finalizar este post eu gostaria de mostar um aparelho estético em que as ligaduras elásticas não foram trocadas e estão muito amareladas.

barcket-estetico-com-ligadura-amarelada

Este é um aparelho de policarbonato e as ligaduras estavam na boca a umas três semanas. Apesar do aparelho estar colado há mais de 20 meses, vocês podem observar que os brackets apresentam uma boa coloração.

O que compromete a estética antes de tudo são as ligaduras amareladas.

Por isso, independente do material usado nos brackets estéticos, é fundamental ter acesso ao seu ortodontista para a troca das ligaduras periodicamente afim de manter seu aparelho sempre com um aspecto agradável.

A outra alternativa é usar ligaduras mais resistentes á pigmentação como as que eu mostro neste artigo sobre ligaduras ortodônticas que não amarelam.

Vídeo “Como funciona o aparelho ortodôntico?”

Esta é uma animação em 3D que mostra os componentes e o funcionamento de um aparelho ortodôntico.

Interessante para quem ainda não compreende como a movimentação ortodôntica acontece.

E para complementar as informações do vídeo eu recomendo esta apresentação leve e divertida sobre como o aparelho fixo é colado nos dentes.
E tem um outro vídeo 3D aqui no blog que mostra a classificação de Angle, aquela que diz se você é Classe I, II ou III.